Jon Batiste e Tony Bennett lideram corrida pelo Grammy

Jon Batiste e Tony Bennett lideram corrida pelo Grammy

Os indicados para a edição número 64 dos prêmios Grammy foram divulgados no dia 23 de novembro. Ao todo, são 88 categorias dos mais diversos gêneros musicais. Na última década, a importância da premiação tem sido questionada por quase todos os envolvidos, entre eles, os artistas, a crítica e o público.

Apesar da mudança na indústria fonográfica e a gritante diferença na maneira do público consumir música, as premiações continuam sendo uma vitrine importante para os artistas, em especial o Grammy, notoriamente a mais importante do gênero, mas com muito menos impacto nas carreiras de seus vencedores e indicados.

Como sempre acontece, o Grammy privilegia os artistas da música pop nas indicações principais e na festa de premiação, que nesta edição acontecerá em 31 de janeiro. Neste ano, as estrelas pop em destaque são Justin Bieber, Billie Eilish, Lil Nas X, Olivia Rodrigo e H.E.R. Mas há dois forasteiro entre os mais indicados: Jon Batiste e Tony Bennett, acompanhado de Lady Gaga.

Pianista, compositor, cantor e arranjador, Batiste foi indicado em 11 categorias, quase todas pelo disco We Are (foto), lançado pela gravadora Verve. As principais categorias são Gravação, Música e Disco do Ano. Ele também concorre pela trilha do filme Soul, animação da Pixar, que tem o personagem principal inspirado no cantor. Batiste ganhou o Globo de Ouro e o Oscar com essa trilha.

Disco lançado por Batiste em março de 2021

Quem também chegou com força ao Grammy é o disco Love for Sale, dos cantores Tony Bennett e Lady Gaga. Essa é a segunda parceria da dupla, que lançou em 2014 a primeira colaboração juntos. Desta vez, o repertório traz apenas composições do genial Cole Porter, um dos compositores mais regravados entre os jazzistas. O disco recebeu seis indicações, incluindo Gravação, pela música “I Get A Kick Out Of You”, e Disco do Ano.

BRAZUCAS NA DISPUTA

O Brasil está concorrendo em quatro categorias, uma com a pianista Eliane Elias, e três com Sergio e Clarice Assad e o Third Coast Percussion. Eliane concorre como melhor disco de jazz latino pelo álbum Mirror Mirror, no qual faz duetos com os pianistas Chick Corea e Chucho Valdés. Corea morreu em fevereiro de 2021, na véspera do Grammy 2021.

O violonista brasileiro Sergio Assad e a filha Clarice (voz e piano) concorrem pelo disco Archetypes, uma parceria com o Third Coast Percussion, grupo de percussão do estado americano de Illinois. As categorias são: Composição Clássica Contemporânea, Engenharia de Álbum Clássico e Performance de Música de Câmara. Sérgio também é conhecido por seu trabalho no Duo Assad, ao lado do irmão Odair, com quem divide os violões e uma carreira internacional de sucesso há três décadas.

CATEGORIAS DE JAZZ

Por falar em Chick Corea, ele concorre em outras três categorias. O disco Plays, com composições clássicas e de jazz, é um dos indicados em Clássico Compêndio. As outras duas são pelo álbum Akoustic Band LIVE, ao lado de John Patitucci e Dave Weckl (foto abaixo). Na mesma categoria de disco de jazz, estão na briga o guitarrista Pat Metheny (Side-Eye NYC), o baixista Ron Carter (Skyline), o cantor Jon Batiste (Jazz Selections: Music From And Inspired By Soul) e o trompetista Terence Blanchard (Absence).

Trio: Chick Corea, John Patitucci e Dave Weckl

Blanchard também disputa na categoria Gravação de Jazz, com o tema “Absence”. Ele concorre com o trompetista Christian Scott aTunde Adjuah (Sackodougou), o pianista Kenny Barron (Kick Those Feet), o cantor Jon Batiste (Bigger Than Us) e o pianista Chick Corea (Humpty Dumpty (Set 2)).

Na categoria Disco Cantado, concorrem o atual vencedor, Kurt Elling (SuperBlue), em parceria com o guitarrista Charlie Hunter, a dupla The Baylor Project (Generations), e as cantoras Nnenna Freelon (Time Traveler), Gretchen Parlato (Flor) e Esperanza Spalding (Songwrights Apothecary Lab). O disco de Gretchen tem duas canções interpretadas em português, além das participações dos músicos brasileiros Airo Moreira (percussão), Marcel Camargo (guitarra) e Léo Costa (bateria).

A cantora Jazzmeia Horn volta a disputar um Grammy, mas desta vez na categoria Disco de Orquestra, com o aclamado Dear Love, seu terceiro álbum e sua terceira indicação. Ela terá no páreo os discos de The Count Basie Orchestra (Live At Birdland!), Christian McBride Big Band (For Jimmy, Wes And Oliver), Sun Ra Arkestra (Swirling) e Yellowjackets + WDR Big Band (Jackets XL).

JAZZ, MAS SEM SER JAZZ

Os músicos de jazz também conquistam indicações em outras categorias que não são propriamente de jazz. Neste ano, por exemplo, a cantora Norah Jones concorre com o seu disco Til We Meet Again na categoria Disco Tradicional Pop Cantado. O disco de Bennett e Lady Gaga também está disputando nessa categoria.

Na categoria Álbum Contemporâneo Instrumental, todos os cinco indicados são músicos de jazz. São eles: Randy Brecker & Eric Marienthal (Double Dealin’), Rachel Eckroth (The Garden), Taylor Eigsti (Tree Falls), Steve Gadd Band (At Blue Note Tokyo) e Mark Lettieri (Deep: The Baritone Sessions, Vol. 2).

Quem acabou perdido neste monte de categorias foi o pianista Lyle Mays, que morreu em fevereiro de 2020, aos 66 anos de idade. O disco póstumo Eberhard, com apenas uma música de 13 minutos de duração (escute nos vídeos abaixo), foi indicado como Composição Instrumental. A faixa é uma despedida à altura do talento de Mays, que tocou por décadas ao lado do guitarrista Pat Metheny.


VEJA ABAIXO TODOS OS INDICADOS NAS CATEGORIAS DO JAZZ


GRAVAÇÃO DE JAZZ

Sackodougou
Christian Scott aTunde Adjuah
Disco: The Hands Of Time (Weedie Braimah)

Kick Those Feet
Kenny Barron
Disco: Songs From My Father (Gerry Gibbs Thrasher Dream Trios)

Bigger Than Us
Jon Batiste
Disco: Soul (Original Motion Picture Soundtrack) (Various Artists)

Absence
Terence Blanchard
Disco: Absence (Terence Blanchard Featuring The E Collective And The Turtle Island Quartet)

Humpty Dumpty (Set 2)
Chick Corea
Disco: Akoustic Band Live (Chick Corea, John Patitucci & Dave Weckl)


DISCO CANTADO

Generations
The Baylor Project

SuperBlue
Kurt Elling & Charlie Hunter

Time Traveler
Nnenna Freelon

Flor
Gretchen Parlato

Songwrights Apothecary Lab
Esperanza Spalding


DISCO DE JAZZ

Jazz Selections: Music From And Inspired By Soul
Jon Batiste

Absence
Terence Blanchard Featuring The E Collective And The Turtle Island Quartet

Skyline
Ron Carter, Jack DeJohnette & Gonzalo Rubalcaba

Akoustic Band LIVE
Chick Corea, John Patitucci & Dave Weckl

Side-Eye NYC (V1.IV)
Pat Metheny

ÁLBUM DE ORQUESTRA

Live At Birdland!
The Count Basie Orchestra Directed By Scotty Barnhart

Dear Love
Jazzmeia Horn And Her Noble Force

For Jimmy, Wes And Oliver
Christian McBride Big Band

Swirling
Sun Ra Arkestra

Jackets XL
Yellowjackets + WDR Big Band


ÁLBUM DE JAZZ LATINO

Mirror Mirror
Eliane Elias With Chick Corea and Chucho Valdés

The South Bronx Story
Carlos Henriquez

Virtual Birdland
Arturo O’Farrill & The Afro Latin Jazz Orchestra

Transparency
Dafnis Prieto Sextet

El Arte Del Bolero
Miguel Zenón & Luis Perdomo

veja-sp-comerebeber-2019-2020

LOCALIZAÇÃO
Avenida Paulista, 2073 - Bela Vista - São Paulo - SP

APRESENTADO POR

PATROCÍNIO

CIA. AÉREA OFICIAL

APOIO

MEDIA PARTNERS

2021 © Blue Note São Paulo. Todos Direitos Reservados.